Gosta deste blog? Então siga-me...

Indique o seu email para receber actualizações

Também estamos no Facebook e Twitter

sexta-feira, 25 de março de 2016

Novidade Saída de Emergência

A Capital do Mundo
de Renato Fontinha
Em 1520, Lisboa é a capital do mundo. Especiarias e preciosidades vendem-se por todas as ruas onde a riqueza só rivaliza com a imundície. Sob o sol abrasador e os cheiros penetrantes, cruzam-se pessoas de todas as raças e religiões do mundo conhecido. No Tejo, os navios são tantos como as estrelas no firmamento, prometendo aventura, riqueza e glória.
Não é de espantar que as aldeias portuguesas se esvaziem de almas que rumam a Lisboa em busca do seu quinhão. É o que acontece com cinco rapazes, cheios de sonhos, que chegam à capital. Mas Lisboa tira mais do que dá e, entre problemas com as autoridades, ofícios mal pagos e a disputa pelo amor de mesma jovem, o grupo tudo perde, até a amizade que os unia.
Para piorar a situação, um assassino aterroriza as noites de Lisboa, uma alma atormentada que só encontra paz na morte de raparigas inocentes, e que se esfuma por entre os dedos dos alcaides do rei. É na noite de Natal que tudo termina, quando os amigos se viram uns contra os outros na luta pelo amor da mesma jovem, sem saberem que têm um inimigo muito mais sinistro – o assassino – que quer reclamar o tão desejado prémio.

Sem comentários:

Enviar um comentário