Gosta deste blog? Então siga-me...

Indique o seu email para receber actualizações

Também estamos no Facebook e Twitter

segunda-feira, 28 de maio de 2012

Experiências na cozinha... Cascas, talos, folhas



Este é um livro que tenho à cabeceira há bastante tempo e que vou saboreando devagar. Faço anotações, cruzes no índice e é daqueles poucos livros que me permito sublinhar (a lápis)...

Comecei por fazer uma receita de um legume que não aprecio grandemente e que normalmente só o uso na sopa, onde o seu sabor fica camuflado com os restantes ingredientes: a couve-flor. Fiquei rendida com o resultado e com a facilidade com que alguns pequenos truques muito simples podem alterar o meu "gosto".

Experimentei o "arroz" de couve-flor e deliciei-me!
Então foi assim: cozi a couve, piquei-a finamente com uma faca e levei-a ao lume num pouco de azeite. Juntei um pouco de sal, pimenta e salsa picada. Muito bom! 

Querem ver como ficou?













Ainda vos vou surpreender com algumas receitas insólitas sobretudo porque não estamos habituados a aproveitar determinadas partes de alguns frutos e legumes, nomeadamente as cascas... Esperem para ver!

2 comentários:

  1. E sem ficar com aquele típico sabor a couve? É que esta até na sopa lhe sinto o sabor, mas o que não como mesmo são couves de bruxelas.
    Fiquei curiosa com o livro. É um livro de recitas e / ou de propriedades nutricionais dos alimentos?

    ResponderEliminar
  2. Nany, eu também não sou grande apreciadora de couve-flor por isso quis arriscar... Gostei, talvez tivesse sido da junção do azeite, pimenta e salsa, não me soube a couve...O livro é cheio de receitas e dicas também!

    ResponderEliminar