Gosta deste blog? Então siga-me...

Indique o seu email para receber actualizações

Também estamos no Facebook e Twitter

segunda-feira, 7 de novembro de 2011

Lotaria de Patricia Wood


Edição/reimpressão: 2011
Páginas: 304
Editor: Editorial Presença
ISBN: 9789722345613
Coleção: Grandes Narrativas

Tinha este livro na estante já há algum tempo e foi a opinião da Teresa, que sei ser conivente com a minha em muitos aspectos e leituras, que me fez pegar nele e catapultá-lo para o princípio da lista dos "to be read", longa lista, aliás!

E não me arrependi. É pela voz de Perr, um homem-criança, que vamos tomando conhecimento da sua história e, durante o livro todo, temos um sorriso nos lábios. A sua forma de pensar, os ensinamentos que aprendeu de sua avó e que recorda constantemente são como lufadas de ar fresco na nossa maneira, por vezes tão rígida, de classificar as pessoas. De classificar e julgar quem não é igual a nós.  

É uma lição e uma aprendizagem esta obra, que devemos ler, porque nos dispõe bem e sentimos uma inocência tão grande no personagem e também nos seus verdadeiros amigos, que nos leva a percorrer avidamente as páginas deste maravilhoso livro! 

O final surpreende. É o lado mais puro que vence, o lado mais inocente mas também o mais verdadeiro, aquele que nos dá uma lição de vida. Leiam para saberem do que falo!

Um romance que queríamos verdadeiro. 

Terminado em 5 de Novembro de 2011

Estrelas: 5*

Sinopse

Neste seu romance de estreia, Patricia Wood consegue fazer-nos partilhar de forma convincente a visão do mundo de Perr L. Crandall, com o seu QI de 76. Criado por uma avó extraordinária, Perry aprendeu a aceitar-se e a lidar com a vida à sua maneira, mas, acima de tudo, aprendeu a confiar nos seus próprios sentimentos. Essa capacidade virá a revelar-se da maior importância quando, mais tarde, Perry ganha uma avultada quantia de dinheiro na lotaria. Um romance encantador e comovente sobre o poder do amor e da confiança no lado positivo de todas as coisas.

3 comentários:

  1. Eu tinha lido o comentário de Teresa, e anotei-o de imediato na minha wishlist, e agora outra crítica positiva :) A ver se não tenho de esperar muito...

    ResponderEliminar
  2. Ainda bem que gostaste tanto como eu Cris!!
    Olha recomendo-o constantemente! É de leitura obrigatória não é?
    Teresa Carvalho

    ResponderEliminar
  3. É uma lição de vida Offuscatio, não é Teresa?

    ResponderEliminar