Gosta deste blog? Então siga-me...

Indique o seu email para receber actualizações

Também estamos no Facebook e Twitter

sexta-feira, 12 de agosto de 2011

Amigos de 4 patas


Edição/reimpressão: 2011
Páginas: 448
Editor: Porto Editora
ISBN: 978-972-0-04352-8
Idioma: Português

Muito embora este livro seja um livro de peso devido às suas quase 450 páginas, é uma leitura agradável com os ingredientes necessários para nos reter a atenção. E, caso sejam amantes destes seres de quatro patas, vão gostar desta leitura e identificar-se com ela muito rapidamente.

Confesso que nunca tive um cão ou outro animal de estimação e, talvez por isso, há sentimentos que não consegui compartilhar com a escritora, mas acredito que se consegue ter uma relação muito forte com estes bichos meigos e amigos.

 Eles estão presentes em toda a leitura e ficamos a compreender a ligação que se vai estabelecendo entre o ser humano e estes "amigos de quatro patas". É focado, também, a importância do não abandono dos animais - questão sempre presente nos nossos dias, sobretudo nesta época do ano!

Terminado em 11 de Agosto de 2011

Estrelas: 4*

Sinopse

A londrina Rachel de trinta e nove anos descobre que tudo na vida pode dar uma volta enorme quando e como menos se espera.
Tudo começa num momento conturbado: na mesma semana Rachel perde o namorado, o emprego, descobre o primeiro cabelo branco e é acusada pela irmã de ser egoísta por se ter esquecido do aniversário do sobrinho.
Como se não bastasse de repente tem de se mudar de Londres para uma pequena cidade de província, no fim do mundo, onde uma tia lhe deixou em herança um canil a abarrotar de cães, uma casa enorme e uma montanha de dívidas.
Mas nem tudo é o que parece e nem só de problemas se fará este novo percurso de Rachel; graças aos amigos de quatro patas, muitos corações solitários vão descobrir valiosas lições sobre lealdade, companheirismo e amor incondicional.

4 comentários:

  1. Deve ser um livro muito tocante....
    Eu cresci e vivi sempre no meio de animais de estimação, tive e tenho ainda, sempre cães e gatos que recolhia, e recolho, das ruas para não falar de outros animais que também tive mas de categorias mais exóticas. São seres que nos dão alegrias e enriquecem as nossas vidas duma forma arrebatadora. Gostei muito da tua opinião que como sempre dá uma imagem muito interessante das tuas leituras!
    Beijinho e continuação de boas férias
    teresa

    ResponderEliminar
  2. É Teresa, senti que me faltou a experiência do que é possuir um animal para me sentir totalmente arrebatada com este livro...mas se tens, vais gostar de certeza e compreender melhor do que este livro nos fala! Bjinhos!
    cris

    ResponderEliminar
  3. Tenho alguma curiosidade acerca do livro, vamos ver qd consigo lê-lo!
    Qt a animais de estimação, vivo no campo, sempre tive muitos cães, gatos, peixes, tartarugas, grilos, várias aves e até os cavalos dos meus avós.
    PS: E bichos da seda, lol

    ResponderEliminar
  4. Clarinda então vais gostar... bjs

    ResponderEliminar