Gosta deste blog? Então siga-me...

Indique o seu email para receber actualizações

Também estamos no Facebook e Twitter

segunda-feira, 4 de julho de 2011

Amor entre primos.


Edição/reimpressão: 2011
Páginas: 289
Editor: Chiado Editora
ISBN: 9789896971427

Gostei de ler este livro e mantive sempre até ao final o interesse por esta leitura, simples mas representativa dos anos 60, pois o ambiente recriado fez-me lembrar o que ouvi e li sobre essa época. A personagem principal tem um "quê" de rebeldia que a faz arriscar e partir para o desconhecido, assumindo novos comportamentos e atitudes.

A história é interessante, bem elaborada e prende a nossa atenção mas creio que o final (o happy end) depreende-se muito facilmente nos últimos capítulos, o que poderia e devia ser evitado, talvez com o elemento surpresa mais presente! 

Tirando isso, é uma boa leitura para esta época do ano, com descrições do Tennessee e Miami, de paisagens e praias que despertam a nossa curiosidade! Refrescante este amor que vence todas as dificuldades!

Terminado em 4 de Julho de 2011

Estrelas: 3*

Sinopse

Estados Unidos da América - Anos 60. 
Úrsula é uma simples rapariga a viver numa pequena cidade do Texas. Para além do carinho da tia, ela encontra o prazer da alegria e algo mais com o primo Tommy, sempre que os visita no Tenessee.
Com o passar do tempo ambos descobrem um sentimento intrigante, que supostamente não deveriam sentir um pelo outro.
O facto é que não o podem assumir e dolorosamente tentam abstrair-se dele. Mas estaria o destino a ser assim tão cruel com eles?
Quando Úrsula descobre um segredo que poderá mudar tudo, a esperança renasce. A realidade já não é a mesma. Mas as circunstâncias que a levaram a descobrir uma verdade escondida à muito tempo trazem também consequências.
Rodeada sempre por quem a poderia amar, Úrsula não consegue esquecer o seu amor por Tommy. O tempo vai passando. Só uma mudança na sua vida poderá trazer-lhe a esperança de ser feliz, mesmo sem ele. Dividida entre o seu amor por Tommy e a tristeza que a revelação lhe poderia causar, Úrsula decide deixar tudo para trás e atravessar parte dos Estados Unidos para esquecê-lo.
Em Miami conhece e vive o glamour e a magia da época.
Quando menos esperava, o destino mostra-lhe que guardara a bonança depois da tempestade. Afinal também ela tinha uma verdade a ser-lhe revelada.
"O que é nosso a nós retorna", já dizia o ditado.

1 comentário:

  1. Não conhecia o livro mas fiquei com muita vontade de o ler!
    Obrigado!

    www.rabiscosincertossaltoemceuaberto.blogspot.com/

    ResponderEliminar